25 de fev de 2010

LAMENTO


Lamento dizer que sobrevivo
Que ao contrário do que parecia ser óbvio
Ainda me encontro firme
Que ao avesso das circunstâncias
Estou viva!
Não há barreiras intransponíveis
Só nos cabe encontrar o caminho
Lamento dizer que hoje me conheço
Já não tenho medo
Nesses obstáculos, fiz o meu possível.
Dei o melhor de mim
Não nos compete ver que deseja a lida
Só me vale ser o que exige a vida!
Wanderlúcia Welerson Sott Meyer
Publicado no Recanto das Letras em 25/02/2010
Código do texto: T2106550