Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2015

Alma inquieta

Vida

Vida contínua, seguida
Quanto mais longa, mais desalinho.
Bom vinho que o tempo amadurece
Ou endurece...
Transformando-se em amargo vinagre
Dias de glória, ternura e vitória.
Dias de dor, deserto desamor.
Vida... É vista cansada
Alma lavada
Luta... desconhece-se a estrada
Caminhos que nos conduzem ao nada
Outros... reproduzem a tal felicidade desejada
Vida de mistérios, impropérios e lamentos.
Amores e rumores
Quando menos se espera
Permite-se conduzir por quimeras
Ir e vir interminável
Folha ao vento, mar bravio.
Ponto de bala sem fio.
Dura, difícil de engolir.
De outro lado a lida
Complexa e indefinida
Vai formatando ferida
Que cicatrizada e amadurecida
Pede mais vida! Wanderlúcia Welerson Sott Meyer