Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2014

Alma

Do encantamento

Cedo, abro a janela do quarto. Tão cedo, que meu filho pergunta: “Já de janela aberta, mamãe?”. O acolho nos braços e lhe digo: “É para dar bom dia, ao dia!” Chego à janela aberta: “Bom dia, dia!” e os pássaros parecem responder um sonoro “Bom dia!”. Meu filho sorri e se encanta eis um bom começo.
Os atropelos da vida nos conduzem ao desencanto. Deixamos de observar momentos de rara beleza. Não nos damos conta de circunstâncias simples que preencheriam nosso caminho de flores se fossem observadas cotidianamente. São dádivas que recebemos: a natureza, as pessoas com as quais convivemos, os aprendizados. Há quem passe pela vida sem percebê-la, apenas passe. Encantar-se, permitir-se o enlevo, harmonizar-se com as situações, sejam elas de conflito ou de paz. Quando passamos a aceitar o que nos advém, esforçando-nos para laborar em prol da vida parece que conseguimos vislumbrar melhor as dádivas. Desenvolvemos a gratidão e, portanto, o encantamento. Toda reclamação é pura perda de energia!…

E quando for a hora...

Conversando com Deus

Senhor,
Andei pensando em Lhe pedir serenidade
Já descobri que é somente o que preciso para seguir
Daí me lembrei que para adquirir essa placidez que tanto busco
Dependo mais de mim do que da Tua vontade.
Ando seguindo os caminhos que para mim preparas
Creio que persisto porque sinto Tua presença.
O fato de não compreender causa-me certa insatisfação
Minha alma ainda imatura
Pede por caminhos de luz com os olhos cerrados
Roga por paz, sem apaziguar o próprio coração.
Entendo que o que me proporcionas é imperioso
Contudo, as recordações retidas.
Remotas memórias de felicidade plena
Suposições impressas na alma
Que aspira ascender em direção a vós.
Desperta a necessidade célere de evoluir
Ansiedade que retarda e estaciona
Processo generoso e lento
De lapidação da alma
Compreendo Senhor!
Entendo o que desejas.
Acalma meu coração
Auxilia-me a espera.
Se de serenidade preciso
Indispensável se faz o aprendizado.

Almas gemas

Não creio que existam almas gêmeas... Alguns relacionamentos, com o tempo se transformam em algemas ou almas que gemem. Acredito, em "almas gemas"... verdadeiras gemas preciosas que se encontram e transmitem energias revigorantes e significativas.

Travessias

Abarcada por uma aparente serenidade, acomoda sentimentos desconhecidos. Alguns perderam o sentido, dificilmente virão à tona. Entorpecidos causaram danos irreversíveis, agora, o esquecimento se faz necessário. No peito algo de vago e vazio, avesso às sensações e desejos de felicidade plena. Com o tempo e com as experiências oferecidas pela trajetória, aprende-se a canalizar energias para o indispensável, o real. Entende-se que a felicidade não se apresenta definida, é a construção e a valorização de momentos significativos, reabastecimento temporário da alma para o enfrentamento dos períodos de tempestades. A racionalidade controla emoções e entusiasmos primários provocando assombro e desconforto. Persevera-se, asas cativas, sonhos adiados... Estagnação temporária e precisa, espaço de vida onde é preciso silenciar, pensar e auscultar. Sondagem de percepções adormecidas, imprescindíveis à continuidade do Ser.
Wanderlúcia Welerson Sott Meyer