6 de mar de 2011

Carnaval

Do colorido e exuberância da fantasia que reluz
A alta melodia que traduz lembranças e histórias
Vagam nas avenidas, almas que se tomam de ilusões
Tão passageiras e rápidas como a velocidade da luz
Iluminando a passarela de sonhos
“Infinitos enquanto durem”
Caminham...
Sambam...
Dançam como podem!
Três dias infinitamente dedicados a sorrisos
Embriagados por alucinações e alegrias
Tão efêmeras e provisórias
Quase necessárias...
Para que a dor adormecida
Seja esquecida temporariamente!
Wanderlúcia Welerson Sott Meyer
Publicado no Recanto das Letras em 06/03/2011
Código do texto: T2832070