8 de set de 2011

Infringir


Dançam sentimentos, sensações 
Pensamentos que adormecidos voltam a viver.
Internamente se contrapõem razões e desejos.
Os desejos quase que determinam a jornada.
Mas, ainda presa as amarras do destino imposto.
Represa-se em barreiras quase intransponíveis
Vontade de viver, aspiração de sentir.
Momento em que a vida pede calma
Contraditoriamente a alma anseia por liberdade.
Reprimi-se o fluir da corrente que ambiciona 
Romper a impostora calmaria 
Permitindo que a vida se renove.
Wanderlúcia Welerson Sott Meyer
Enviado por Wanderlúcia Welerson Sott Meyer em 08/09/2011
Código do texto: T3207661