3 de jul de 2011

Paciência e aprendizado

Pensar que a vida é uma sucessão de fatos aleatórios é uma forma de negar nossa responsabilidade diante do que nos acontece. Somos livres para tomar decisões, livre- arbítrio que nos permite escolha e caminhos. Nem sempre temos discernimento para deliberar sabiamente, contudo, sempre podemos optar pelas diversas direções que a vida nos oferece. Se acaso tomamos uma decisão que acarreta sofrimento aos que amamos ou a nós mesmos, a vida sempre nos possibilita o recomeço. A lamentação e a autopunição de nada contribuem. Há situações em que pensamos que estamos agindo erroneamente, mas, estamos simplesmente cumprindo roteiros por nós mesmos estabelecidos e, por vezes, incompreendidos. Outras, que aceitamos como caminho apropriado e, subitamente percebemos que existiam melhores oportunidades. A paciência talvez seja o único exercício legítimo de aprendizado.

 Wanderlúcia Welerson Sott Meyer 
Publicado no Recanto das Letras em 03/07/2011 
Código do texto: T3073215