28 de ago de 2010

Fragmentos

Queria estar só, mas, minha outra parte,
Agora distante estava. 
Sentia-me fragmentada...
De certa forma sabia que assim me sentiria.
Perdi partes de mim que se distribuíram
As escolhas que fiz...
As pessoas que amei...
Os lugares e momentos que eternos,
Pediam certo ritual de repetição.
Se assim não fosse,
Ao menos continuidade...
Queria mesmo estar ali, 
Mas, dividida entre tantos fatos e sentimentos.
Só me restava à saudade!
A saudade esgotava-me! 
De tanto pedir... 
Perdera-me!
Pretendia centrar-me...
Mas, sou muitos pensamentos em um só corpo.
Jamais estarei completamente presente...
Diversos fragmentos,
Que erroneamente consideravam-se um todo
Vagam por entre os caminhos que um dia trilhei.

Wanderlúcia Welerson Sott Meyer