3 de jan de 2012

Saudades

De tanto sentir saudade, detendo pensamentos no que poderia ter sido, lastima-se as direções opostas do que, inevitavelmente, deveria estar próximo. Existem histórias que, deixam marcas profundas, tornam-se inesquecíveis. Vazios impossíveis que jamais serão preenchidos. Vidas inconclusas, sonhos que naufragam entre ilusões e desejos. Olhar distante, com uma sensação de incompletude que inquieta a alma. Sonhos que envolvem vontades enigmáticas. Movimento ondulatório que mantém a alma opressa e encarcerada ao passado.

Wanderlúcia Welerson Sott Meyer


Código do texto: T3420665