10 de fev de 2012

Pássaro Livre



Receba o que já lhe pertencia por direito. Contudo, guarde sem esconder, o sentimento que lhe for oferecido. A retenção pode ocasionar perda de valor. Ofusca-se o brilho que antes encantava. Se preciso for, conceda-lhe liberdade, esperando confiante pelo retorno seguro e inevitável. Adquira a sensibilidade necessária para o equilíbrio, não permitindo que o excesso ou a escassez fomentem o desejo de partir. 

Wanderlúcia Welerson Sott Meyer