30 de mai de 2008

Recomeço



Os ventos que levaram trarão novas esperanças.

Existem possibilidades,

Não há nenhum mal que seja eterno.

A vida é um ciclo de águas...

Hora calma e límpida...

Hora turbulenta e turva.

Seguimos como que levados por elas,

Mas temos escolhas, sempre teremos...

E hoje, escolho a Luz.Escolho a brisa...

O aconchego do amor que sinto,

Que embora adormecido... vive!

Quero o sorriso refletido no espelho.

Sonhos, mesmo que utópicos...

De quantas utopias tudo o que existe não foi feito?

Quero entregar-me deliciosamente a vida!

Correndo riscos...

Ousando ser...

Acreditando que o melhor ainda está por vir.

Enxugarei as lágrimas...

Construirei novos sonhos...

E caminharei...

Firme e sem fronteiras.

Permitindo que o amor renasça,

E que a fé conduza!



Wanderlúcia Welerson Sott Meyer
Publicado no Recanto das Letras em 30/05/2008
Código do texto: T1011951