14 de mai de 2012

Passageiro


Foi bom enquanto foi...
Sonho improvisado de felicidade
Plena e ilusória
Serviu de alicerce temporário
Partiu...
Ventura efêmera
Do que se sonha e nada realiza
Consistência enganosa
Se fosse plasmado em vida
Perderia o encanto
Absorvido pelo cotidiano
Verteria lágrimas
Há momentos...
Só que nos servem de êxtase
Entorpecimento da alma
Ilusão temporária.
Assim deve ser...
Para que o que é bom
Mesmo que pouco dure
Seja convertido em saudade.

 Wanderlúcia Welerson Sott Meyer